Nossos produtos

3 ações para a sua empresa se diferenciar - com a Falconi

 3 ações para a sua empresa se diferenciar - com a Falconi

A faixa etária de um empresário júnior de acordo com o Censo&Identidade é de 18 a 21 anos. Você quando mais novo já tinha se imaginado com 19 anos gerenciando a sua própria empresa? Que loucura né! É muito incrível e bate aquele medinho quando pensamos que estamos gerindo uma empresa júnior, por isso, hoje trouxemos algumas dicas da Falconi de como fazer isso! Dá uma olhada se você faz tudo isso, pesquise depois como fazer, faz um bench com alguém que você sabe que manda bem! Parece que é difícil, mas te garanto que é uma experiência incrível e que vai dar MUITO certo!

Para uma empresa se diferenciar, é preciso ter liderança, conhecimento técnico e gestão, defende Vicente Falconi. Esses três pilares estão extremamente ligados, e não é tão difícil implementá-los quanto parece.

Em palestra durante o Expert 2017, o consultor em gestão afirmou também que um ponto importante para fazer esse sistema funcionar é estipular metas. “A meta é aquilo que cria o esforço que tem de ser feito para chegar lá”, afirmou. Mas há uma dificuldade: “Quando você estipula uma meta, cria-se um problema. Mas esse é o tipo de problema que é bom, pois você tem controle sobre ele. Ruim é o problema que cai no seu colo”, brincou Falconi.

Uma dificuldade, que requere gestão para ser superada, é fazer com que todos dentro da empresa caminhem em direção à meta. “Mas não é isso que acontece nas empresas normalmente: ainda que com boas intenções, cada um caminha para um lado”. “Porém, se todos remarem na mesma direção, aumenta a velocidade do barco. Gestão é isso”.

Falconi fez, ainda, uma afirmação que pode parecer polêmica: nem sempre é preciso inovar para alcançar a meta. “Não é necessário sempre inventar. Copiar é bom para alcançar uma meta”.

Os três pilares: liderança, conhecimento técnico e gestão

“O líder é aquele que alcança metas com a equipe e de forma ética”, e, para isso, diz Falconi, é preciso inspirar os funcionários a trabalharem em direção à meta. No entanto, para Falconi, o líder não deve apenas cobrar de sua equipe o cumprimento da meta. “Não adianta nada cobrar, se a pessoa já fez o que pôde, mas não conseguiu chegar lá. O papel do líder é ajudar o profissional a bater a meta”, disse.

Para isso, o conhecimento técnico é importante, ressaltou Falconi. É aquilo que gera valor nas empresas, e os produtos e serviços dependem muito disso. “Mas o bom é que se pode aprender”.

E só se une essas duas pontas com a gestão. “Todo mundo acha que entende de gestão, mas na verdade são poucos”, afirmou. São estratégias simples, defendeu Falconi, mas é preciso ter humildade para aprendê-las. “Sem gestão você consegue tocar uma empresa, mas não consegue se diferenciar”.

Três etapas para buscar conhecimento

Primeira etapa: coloque toda a equipe em uma sala

Para criar uma estratégia para alcançar a meta, Falconi diz que a primeira coisa que se deve fazer é colocar todo o time em uma sala e deixar que todos falem o que bem entenderem. “A criatividade vem quando você fala o que quiser”.

Há muito conhecimento na equipe, e o simples fato de colocar todo mundo junto para discutir já extrai conhecimento do grupo, defende o consultor. Assim, cria-se um plano de ação coletivo, não individual. É assim que um líder deve usar sua equipe para bater a meta.

Segunda etapa: chamar conhecimento externo

Se mesmo depois de juntar toda a equipe em uma discussão não for possível chegar a um plano estratégico, a solução é buscar mais conhecimento fora do time. Chame quem entende disso. Pode ser alguém de outra unidade da empresa que conseguiu bons resultados ou um professor reconhecido. Faça uma nova reunião, como a primeira, mas dessa vez com essa nova pessoa. “Façam juntos um novo plano de ação”.

Terceira etapa: análise de dados

Se isso também não der certo para solucionar o problema, o jeito é apelar para os dados, em busca de novas ideias. “As empresas precisam disso para atingir novos resultados quando só da cabeça dos funcionários não surgem soluções”.

Aproveita depois disso, e dá uma lida para entender como uma das nossas maiores empresas juniores está fazendo, a ADM Consult compartilhou todos os segredos! O ano parece estar acabando, mais ainda temos muitas metas pra bater, vamos juntos?

  • 1410+HITS